segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Série A - Rodada #22

G-4: Palmeiras-SP (41pg, 22j), Goiás-SP (38pg, 22j), Internacional-RS (37pg, 21j), São Paulo-SP (37pg, 21j)
Sul-americana: Atlético-MG (34pg, 21j), Avaí-SC (34pg, 22j), Corinthians-SP (33pg, 22j), Barueri-SP (33pg, 22j), Grêmio-RS (32pg, 22j), Santos (32pg, 22j), Flamengo-RJ (30pg, 22j), Vitória-BA (29pg, 22j)
Descenso: Náutico-PE (24pg, 22j), Botafogo-RJ (23pg, 22j), Sport-PE (17pg, 22j), Fluminense (16pg, 22j)

O Avaí-SC perdeu para o Coritiba e saiu do G-4 (foi ultrapassado por Atlético-MG e Internacional-RS). O Flamengo-RJ foi o time que mais subiu na rodada - 3 posições. Na zona do descenso, apenas a troca de posições entre Náutico-PE e Botafogo-RJ.

26AGO2009
Grêmio Barueri-SP 2x2 Corinthians-SP
29AGO2009
Coritiba-PR 2x0 Avaí-SC, Flamengo-RJ 3x0 Santo André-SP, Náutico-PE 3x0 Atlético-PR
30AGO2009
São Paulo-SP 0x0 Palmeiras-SP, Santos-SP 2x0 Fluminense-RJ, Atlético-MG 1x1 Sport-PE, Internacional-RS 4x0 Goiás-GO, Vitória-BA 3x3 Cruzeiro-MG, Botafogo-RJ 3x3 Grêmio-RS

Arbitragem
Botafogo-RJ 3x3 Grêmio-RS
Bola toca no braço de Adílson e árbitro Rodrigo Martins Cintra deixa o lance seguir. No segundo gol do time gaúcho, a bola sai pela linha de fundo no cruzamento de Mário Fernandes.

Imprensa carioca repercute erros de arbitragem no empate entre Botafogo e Grêmio. Alvinegro teve pênalti não marcado e sofreu um gol em jogada em que a bola saiu pela linha de fundo. Partida terminou empatada por 3 a 3.

Presidente do Botafogo: ´A arbitragem no Brasil é uma vergonha´. Maurício Assumpção reclama dos constantes erros dos juízes contra o Alvinegro.

Estevam Soares reclama de sequência de erros de arbitragem contra o Botafogo. Técnico do Alvinegro diz que time foi novamente prejudicado e elogia comprometimento da equipe.

Vitória-BA 3x3 Cruzeiro-MG
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (FIFA/ RJ)
Auxiliares: Jackson Massara dos Santos (RJ) e Vinicius da Vitória Nascimento (RJ)
Atlético-MG 1x1 Sport-PE
Árbitro: Paulo César Oliveira (Fifa-SP)
Auxiliares: Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) e Nilson de Souza Monção (SP)
Márcio Rezende de Freitas analisa arbitragem nos jogos do Atlético-MG e Cruzeiro. Para comentarista, árbitros acertam nas marcações no jogo do Galo e Leão, mas erram ao sinalizarem impedimentos, na partida da Raposa e time baiano.

Lunático
6858km de futebol
http://6858kmdefutebol.blogspot.com/

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget