quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Torcida impôe pressão e se excede na Lusa. Renê Simões se demite.

Na Série B, Portuguesa perde para o Vila Nova e conselheiros armados invadem o vestiário. Indignado, o treinador René Simões fala sobre ameaça sofrida após o jogo, feita por integrantes do clube e seus seguranças. Caio Ribeiro comenta sobre insegurança gerada por violência na Lusa.

Procurador do STJD e diretor da CBF falam sobre ameaça armada, sofrida na Portuguesa
Paulo Schmidt diz que agressores podem responder isoladamente sobre o caso e até sofrerem punições pesadas. Já Virgílio Elísio fala que vai exigir da Lusa, medidas policiais necessárias sobre o caso.

Globo Esporte relembra outros episódios de violência de torcedores em clubes brasileiros
Agressões também aconteceram com jogadores e treinadores famosos no fim do outras partidas, centros de treinamentos e até aeroportos.

Um abraço,

Lunático
6858km de futebol
http://6858kmdefutebol.blogspot.com/

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget